incêndio

Lendária “Ponte Queimada”, que liga Pingo D’Água a Marliéria, pode ter sido alvo de incêndio criminoso

 

A polícia investiga a origem do incêndio que destruiu aproximadamente dez metros da lendária “Ponte Queimada”, que liga o Parque do Rio Doce a Pingo D’ Água. O incêndio ocorreu no final da tarde dessa segunda-feira (21) e a principal hipótese é de que tenha tido origem criminosa.

 

 

Funcionários de Cenibra se mobilizaram para conter as chamas e evitaram que o fogo se alastrasse ainda mais. A Polícia Militar de Meio Ambiente e a Defesa Civil de Pingo D’Água também trabalharam na ocorrência, com apoio de vigilantes do parque.

 

 

 

 

Tenente Alan fala sobre a ocorrência que levou à interdição total da ponte.

 

 

https://radiocidadecaratinga.com.br/wp-content/uploads/2023/08/22-08-ALAN.mp3

 

 

Nenhum suspeito foi localizado até o momento.

 

 

 

 

 

 

O conjunto paisagístico formado pela “Ponte Queimada”, pelo rio Doce e pela mata do Parque Estadual do Rio Doce constitui um dos potenciais atrativos turísticos da região. Por conta de sua importância histórica, a administração de Marliéria iniciou um projeto de tombamento da ponte pelo Iphan em 2018.

 

 

A data exata de sua construção original é incerta, porém sabe-se que ocorreu no século XVIII ou no século XIX, com a abertura de uma estrada pelo local. Foi reconstruída na década de 1930, preservando desde então suas características de pilares de concreto, vigamento de ferro e corpo em madeira.

 

 

A ponte tem aproximadamente 200 metros de extensão e também é um importante acesso entre Pingo D’Água e o distrito de Cava Grande.

 

 

 

 

Qualquer informação que possa ajudar a polícia a chegar até o autor deste incêndio, pode ser repassada no telefone 181.

H

Vizinhos salvam família de incêndio no bairro Santo Antônio. Criança de 2 anos sofreu algumas queimaduras

 

Uma tragédia foi evitada graças à ação rápida e cooperativa dos vizinhos de uma residência que fica na rua Manoel Valente, bairro Santo Antônio, em Caratinga. Eles conseguiram controlar um incêndio enquanto os bombeiros se deslocavam para o local. Duas crianças de 2 e 5 anos estavam dentro de casa com a avó de 73 anos.

 

O morador Márcio Fernandes disse que ouviu as pessoas gritando pedindo socorro.

 

 

https://radiocidadecaratinga.com.br/wp-content/uploads/2023/08/03-08-MARCIO.mp3

 

 

Segundo ele, tinha uma criança em cima da cama pegando fogo.

 

 

 

 

Segundo o bombeiro militar Sargento Silvestre, o foco foi contido em um cômodo da casa.

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma das crianças pode ter causado o incêndio acidentalmente.

 

 

 

 

A criança menor se machucou.

 

 

 

 

Ela foi conduzida pelos moradores para a UPA de Caratinga.

H

Quatro investigados no inquérito que apura o incêndio no presídio de Caratinga são indiciados por homicídio e tentativa de homicídio

A Polícia Civil informa que quatro investigados pela participação no incêndio no presídio de Caratinga foram autuados pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio qualificado.

 

 

O incêndio, ocorrido na noite dessa terça-feira (09), provocou a morte de Nilton Lopes de Freitas Neto, de 21 anos, e deixou outros 12 detentos feridos. De acordo com as investigações, detentos que estavam em uma cela de sanção disciplinar, conhecida como “castigo”, atearam fogo nos colchões.

 

 

Os feridos com queimaduras e intoxicados por inalação de fumaça foram levados para a UPA e Hospital Irmã Denise – CASU, que é referência na região para tratamento de queimados. Alguns já receberam alta e nenhum deles corre risco de morte.

H

Incêndio no presídio de Caratinga mata um detento e deixa outros 12 feridos

A Polícia Civil apura o incêndio no presídio de Caratinga ocorrido na noite dessa terça-feira (09), quando um detento morreu e outros doze ficaram feridos. Informações foram coletadas no local pela perícia para esclarecer as causas e circunstâncias do fato.

 

 

De acordo com a Polícia Militar, os detentos estavam em uma cela de sanção disciplinar conhecida como “castigo”, quando um deles teria ateado fogo nos colchões.

 

 

Nilton Lopes de Freitas Neto, de 21 anos, morreu dentro da unidade prisional. Os feridos com queimaduras e intoxicados pela inalação de fumaça foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento de Caratinga e para o Hospital Irmã Denise – CASU.

 

 

 

 

 

De acordo com o bombeiro Sargento Da Silva, as chamas foram controladas pelos policiais penais.

 

https://radiocidadecaratinga.com.br/wp-content/uploads/2023/05/10-05-DA-SILVA.mp3

 

 

Por meio de nota, a Secretaria de Justiça e Segurança Pública informou que acompanha os desdobramentos do fato e entrou em contato com a família de todos os ocupantes da cela. Conforme a nota da secretaria, no momento, dez custodiados estão hospitalizados e dois já receberam alta médica. Nenhum deles corre risco de morte.

H